Nasceu!!!!!!!! (Parte 1)

Não há como explicar!!!!!! Apenas sou pai!

E no momento em que ela nasceu, o lugar foi cheio da glória da Deus! Alícia… minha princesinha! Té parece comigo!!!

Uma noite e tanto, as melhores horas da minha vida! Nasceu a Alícia.

Contando como tudo aconteceu:

Depois de muito esforço e correria atrás de médicos e de um laudo para o nosso bebê, descansamos no Senhor! A espera foi difícil mas o Senhor esteve conosco em todo o tempo! Recebemos o carinho e a intercessão dos irmãos de todo o Brasil, da igreja espalhada pelos confins da Terra e isso nos encorajou.

Semana de Congresso de Louvor e Adoração Diante do Trono aqui em BH. Gente de toda parte do mundo estava aqui… e gente do Ceará caiu de paraquedas aqui em nossa casa. 5 pessoas muito especiais e que foram escolhidas por Deus para não somente receberem de Deus durante o final de semana do congresso, mas para serem nossos auxiliadores na hora em que a Ema entrou em serviço de parto.

Paulo, Teo, Izak, Mariana e Gizelle. Anjos de Deus! Que dias intensos de falta d´agua mas de muita alegria do Senhor! (não é pessoal?!)

E foi depois do culto de domingo (12) Páscoa, que Alícia deu sinal de que queria nos ver. Contrações fortes de 5 em 5 minutos nos inquietaram e foi aí que a correria começou! Que legal!

Pega a bolsa, põe o ropão lá dentro, escova os dentes, toma banho duma vez, coloca os meus documentos na bolsa, pega os meus shampoos que estão lá no banheiro, não esquece os ultrassons… (Isso foi um pouco do que ouvi em frações de minutos da minha amada esposa Emanuela).

Pronto! (((Colei as placas))) Muito nervoso, não sabia nem por onde começar! Queria logo era ver a carinha da minha Alícia.

Bem… Em meio as dores, Mariana, nossa amiga do Ceará, fazia um rica duma “chapinha” na Ema (pra naum ir de qualquer jeito pru hospital). Foi divertido!!! Teo, deitado no chão (gemia igual a uma grávida em trabalho de parto) kkkkkkkk.

Vamos ligar? Será que é a hora de ganhar mesmo??? – Sim! Liguem! Não aguento mais de dor lá embaixo! (disse a Ema).

Vamos ligar para o pastor! Pronto. Liguei. E duas e pouco da manhã apareceram aqui em casa ele e a Irmã Marlene, sua esposa.

Tudo pronto… Antes de ir… a despedida de nossos amigos mais chegados que irmãos. Bye pessoal! (Snif)

Entramos no carro e se fomos pelo caminho. Primeiro hospital: nada! “Pode voltar pra casa que seu bebê é pra quinta feira” disse o médico com muito sono de plantão. (isso era segunda).

Segundo hospital… Bem… nesta hora entramos em contato com a Grazi (DT) que estava sendo nossa mediadora com um médico especialista em Medicina Fetal. Grazi no telefone: “Vamos fazer tudo o que o médico mandar”.

E lá se fomos… ligamos para o Dr. Marcos Salles… toin! Ele não está em casa! Está de plantão no hospital Odilon Beres. (Nosso segundo hospital de tentativa). Bem… enfim… lá estava o nosso médico. E ali mesmo conversamos com ele e ele já nos encaminhou para um terceiro hospital. Desta vez a Maternidade Octaviano Neves, onde tudo aconteceu.

Nessa altura eram 6 horas da manhã… o dia já havia amanhecido. No hospital chegam Pr. Clay, Grazi e Clarice. Agora éramos 7 à espera da pequena grande Alícia.

Depois da PROVIDÊNCIA DE DEUS tudo se encaminhava para o parto cesariano. A Ema entra e eu me torno a pessoa mais desesperada do mundo! Meu Deus! Agora é sério!!! Vai nascer mesmo!!!!

Acompanhe um pouco desse meu momento em um vídeo gravado lá na hora:

Anúncios